<< Empresas

Notícias

Responsabilidade Social 17/03/2015 - Tingimento profissional de roupas gasta quase 27 vezes menos água do que a produção de uma peça nova

O problema da falta d’água, infelizmente, já se tornou uma realidade. Por isso, a Restaura Jeans – rede composta por mais de 230 lojas que oferece lavanderia, costura, tingimento, customização e recuperação de artigos em couro, entre outras opções – fez as contas para saber quanto de água é possível economizar com a simples atitude de renovar uma peça de roupa, por meio do tingimento, em vez de comprar uma nova.

A produção de uma única calça jeans, por exemplo, consome 1840 litros de água. Considerando que uma pessoa deve beber dois litros de água por dia, a água utilizada para produzir um único jeans seria suficiente para matar a sede de uma pessoa por um ano inteiro.

Já o tingimento profissional – um processo industrial, no qual é utilizada tecnologia de ponta para deixar a peça tingida como nova – usa apenas 70 litros de água, em média, por peça.

Além disso, toda água utilizada nos processos de tingimento da Restaura Jeans é tratada, decantada e limpa, eliminando a ação de agentes poluentes no ecossistema. Os resíduos do tratamento são coletados e depositados em local apropriado por uma empresa especializada em resíduos industriais. Assim, além de economizar água, o processo não agride o meio ambiente.

“Na Restaura Jeans tingimos cerca de 400 mil peças por ano. Comparando a quantidade de água necessária para a produção de uma nova peça com a quantidade de água usada no processo de tingimento – e pensando que quem opta pela renovação de uma peça antiga deixa de comprar uma peça nova – a economia de água chega a 640 milhões de litros em apenas um ano”, calcula Denice Conrad, Diretora de Produção da rede Restaura Jeans.

Esse cálculo leva em conta o fato de que os 70 litros são um valor médio de gasto. A rigor, o volume de água economizado pode chegar a mais de 700 milhões de litros, mas a empresa diminuiu a estimativa porque algumas peças usam mais água do que outras no processo de renovação.

Outro número impressionante, que dá a dimensão da economia possível apenas com a atitude de optar pelo tingimento – renovando uma peça que já se tem no armário – é quando se pensa no tempo em que a peça renovada pode continuar a ser utilizada como se fosse nova.

“Se multiplicarmos os 640 milhões de litros de água economizados por dois anos – pensando que a pessoa não vai precisar comprar uma calça nova nesse período – passamos de 1 bilhão de litros economizados. E se cada uma dessas pessoas que tingem com a Restaura Jeans indicar o serviço para um amigo, e esse amigo realizar o serviço, o número dobra de novo. Assim criamos um círculo virtuoso de economia de água”, pondera Denice.

Para se ter uma ideia, 2,5 bilhões de litros de água são suficientes para abastecer 1/3 de toda a população da cidade de São Paulo por um ano – ou metade da população de todo o Estado de Santa Catarina pelo mesmo período. “E ainda há o fator econômico, pois é muito mais barato tingir do que comprar uma peça nova”, conclui Denice.

Para conhecer o vídeo da campanha da Restaura Jeans em prol da economia de água, acesse o link: https://www.youtube.com/watch?v=ScfQeDYFmaI

Fonte: Assessoria de Imprensa